Bonito MS – Representantes do governo peruano visitam escolas

Um grupo de representantes do governo do Peru, juntamente com técnicos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e da Secretaria de Estado de Educação visitaram algumas escolas da Rede Estadual de Ensino nos municípios de Anastácio, Aquidauana, Bonito, Nioaque, Amambai, Dourados e Campo Grande, para conhecer experiências na área de Alimentação Escolar.

A comitiva peruana encerrou a visita ao Estado na Secretaria de Estado de Educação, no dia 20 de agosto. O objetivo da visita foi firmar um acordo técnico estabelecendo diretrizes de acordo com o processo de compra de produtos da agricultura familiar, conforme o PNAE, seguindo as recomendações nutricionais, as restrições alimentares e a atuação do controle social para a boa utilização dos recursos.

Desde o início do ano, escolas da rede estadual de ensino têm publicado chamadas públicas para os interessados em participarem da venda de gêneros alimentícios da Agricultura Familiar e do Empreendedor Familiar Rural destinados ao atendimento ao Programa Nacional de Alimentação Escolar.

O Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), implantado em 1955, garante, por meio da transferência de recursos financeiros, a alimentação escolar dos alunos de toda a educação básica (educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação de jovens e adultos) matriculados em escolas públicas e filantrópicas.

Seu objetivo é atender as necessidades nutricionais dos alunos durante sua permanência em sala de aula, contribuindo para o crescimento, o desenvolvimento, a aprendizagem e o rendimento escolar dos estudantes, bem como promover a formação de hábitos alimentares saudáveis.

Com informações MS Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>