Dicas de como chegar nos passeios turísticos: vans compartilhadas

Para conhecer a maioria dos passeios de ecoturismo de Bonito e região é necessário fazer reservas com certa antecedência, o que pode ser feito nas agências de turismo locais ou através de operadoras de sua cidade.


Entre as principais atividades feitas pelos visitantes destacam-se: os passeios de flutuação (snorkeling), trilhas passando pelas cachoeiras, passeio de bote nos rios, mergulho com cilindro, cavalgada, boia cross, grutas, entre outros.

 

Para conhecer qualquer atrativo de turismo ecológico de Bonito é obrigatório o Voucher Único (uma guia de entrada) fornecido apenas pelas agências de turismo da cidade. Esse sistema adotado pelo município é conhecido como modelo de organização e cuidado ambiental. É, também, fundamental para a manutenção da prática do turismo responsável e da preservação dos recursos naturais existentes na região. A limitação da quantidade de visitantes por dia em cada atrativo turístico é um dos principais fatores do sucesso do turismo realizado em Bonito.


Uma boa dica para se chegar aos passeios são as vans compartilhadas. O transporte realiza um itinerário entre a região de Bonito, Jardim e Bodoquena, buscando o turista na porta do hotel.


A Prefeitura Municipal de Bonito, através do Departamento Municipal de Transporte e Trânsito, está realizando a atualização dos dados de empresas que realizam transporte turístico no município para que o serviço seja incluído na opção do voucher único.

 

Entre as facilidades estão redução dos custos da viagem e da poluição ao meio ambiente, tendo em vista que a capacidade é maior que o transporte privativo.

 

Para saber mais sobre o itineário consulte as empresas credenciadas: EK Turismo e a Transbonito.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>