Disponibilidade das formas de ferro e fósforo em Bonito MS

Por:Helcias Bernardo de Pádua

Ambientes aquáticos superficiais e alcalinos, apresentam maior capacidade de manter as formas de fósforo e ferro fixado no solo, não os disponibilizando facilmente, pela constante formação dos possíveis precipitados, conforme se pode notar nos baixos resultados das análises das águas da Região de Bonito, Mato grosso do Sul, Brasil.

Tais águas são ricas em cálcio e magnésio, formando-se normalmente o fosfato de cálcio e/ou magnésio, que se precipitam no sedimento aquoso. Por outro lado, em condições redutoras, ou seja, em pH menor, tais sistemas aquáticos com ferro no sedimento, p.ex. em lagos ou percursos calmos, nascentes ou rios, o fosfato é liberado novamente para as águas, conforme se verificou no quadro abaixo, no período de não chuva, mesmo em baixíssima concentração.

Vide texto completo para baixar no icone no topo da matéria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>