Festival de Inverno de Bonito, traz atrações de dança

Com o espetáculo Singulares, o grupo de dança intitulado Dançaurbana comemora 10 anos. A coreografia aborda a singularidade de cada dançarino e a beleza do grupo, reforçando a ideia de Tom Jobim: “É impossível ser (feliz) sozinho.”

A Cia. Dançurbana foi fundada em 2002, em Campo Grande (MS). Na época, o grupo trazia jovens que se destacavam em projetos sociais de dança de rua.

O espetáculo Singulares tem direção geral de Marcos Mattos, ensaiador Reginaldo Borges e diretor cênico e dramaturgista Renata Leoni.

O espetáculo A meu ver, do grupo Cia do Mato, mostra a diversidade artística e poética relacionada à dança contemporânea.
Criada em março de 1999, por Chico Neller e Diógenes Antônio, a companhia reúne bailarinos de diversas ramificações contemporâneas para pensar, discutir e produzir dança. Como o mês de julho é de férias, vale a pena conferir cada atração dessa edição do Festival de Inverno de Bonito.

Com informações: Bonito Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>