Guia Pantanal mostra itinerário de trem

Reinaugurado em 2009, o Trem do Pantanal (ou Pantanal Express) se tornou uma das atrações mais populares do sul da região pantaneira. O roteiro, descrito em detalhes no guia “Pantanal” da coleção “7 Dias”, mostra como essa se tornou uma forma divertida e original para o visitante conhecer tanto a riquíssima fauna e flora desse ecossistema, como a história local.

O trem parte de Campo Grande e vai até Miranda atualmente, mas está sendo reconstruído para chegar até Corumbá, no extremo oeste do Mato Grosso do Sul, onde ia originalmente quando foi inaugurado em 1914.

No percurso de 220 quilômetros e sete horas mostra de uma só vez a grande diversidade do pantanal, pois passa por praias, rios, cachoeiras, as famosas planícies alagadas e, logo no início do trajeto, é possível ver uma das poucas áreas montanhosas próximas à região pantaneira: a Serra de Maracaju.

O passeio também tem um apelo cultural e histórico, pois passa pelas exatas mesmas estações do antigo Expresso do Pantanal, como Agachi, Taunay e Aquidauana, onde os visitantes podem assistir a uma festa indígena local em determinadas épocas. Vale lembrar que a estrutura do trem é muito boa, com ar-condicionado em todos os vagões, serviço de bordo e um vagão-restaurante.

A viagem de trem é apenas o segundo dia de um roteiro de sete descrito no guia “Pantanal”, que traz um itinerário de uma semana que inclui cavalgadas, passagens pelas principais cidades, safáris fotográficos, passeios de canoa, ciclismo e quitutes típicos da região.

Fonte: Folha Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>