Operadores de turismo conhecem roteiro Travessia do Pantanal

Um grupo formado por operadores de turismo de quatro estados brasileiros participou de um famtour (viagem de familiarização) pelos estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. O objetivo é mostrar a eles os atrativos turísticos de cada região e proporcionar a oportunidade de comercializarem o destino e dar maior visibilidade ao cenário pantaneiro. No último fim de semana, os agentes estiveram em Corumbá e puderam conhecer as potencialidades e belezas naturais da região por meio do roteiro Travessia do Pantanal – Dois estados, um só destino.

Os operadores são dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Alagoas. O grupo pode conhecer a Estrada Parque, museus da cidade, barco-hotel e também fazer um city-tour pelos pontos turísticos da região. Os passeios no município pantaneiro tiveram apoio da Prefeitura de Corumbá, por meio da Fundação de Cultura e Turismo do Pantanal. A visitação rendeu também contatos entre os operadores e as empresas turísticas locais, para possível fechamento de negócios.

Além de Corumbá, o famtour passou por Miranda e seguiu para Mato Grosso. O roteiro Travessia do Pantanal foi formatado por um grupo gestor composto por técnicos e consultores dos órgãos de Turismo dos dois estados, Ministério do Turismo, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Instituto Marca Brasil, e faz parte do Programa de Regionalização do Turismo, coordenado pelo ministério.

Com a criação dessa rota, que envolve os estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, a região pantaneira passa a ter uma marca. Isso ajudará os turistas a planejar suas viagens e a escolher melhor a época para visitar o Pantanal, além de saber das condições do clima e sobre as cidades e passeios disponíveis.

Com informações MS Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>