Parque Nacional da Serra da Bodoquena continua no papel

 

Reportagem do Correio do Estado publicada ontem, 27 de novembro de 2011, fala sobre o Parque Nacional da Serra da Bodoquena e a dificuldade de sair do papel, mesmo 11 anos depois da criação por decreto federal.

 

 

 

De acordo com a reportagem de Montezuma Cruz, com 77,2 mil hectares, o Parque Nacional da Serra Bodoquena foi criado por decreto federal em 21 de setembro de 2000. O Parque está localizado em Bonito (MS), a 265 quilômetros de Campo Grande.

 

 

Apesar de estar sendo feito o georreferenciamento de fazendas em Bonito e Bodoquena, pelo Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio) e Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), existem áreas menos acessíveis e pouco visitadas.

 

 

Segundo o chefe da unidade, Fernando Villela, ainda é preciso requerer práticas de controle, recuperação e de cercas que poderão ser aproveitadas para sinalizar e proteger alguns limites da unidade de conservação.

 

 

Alguns planos em 2012 feitos pelo chefe do Parque são os de reunir o conselho a cada três meses; combater incêndios florestais; atender a demanda de pesquisas; reconhecer áreas adquiridas; atender denúnciar de queimadas na época seca e do plantio de transgênicos.

 

 

Com informações do Correio do Estado. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>