Programa de Incentivo às RPPNs da Mata Atlântica comemora 5 anos

Com apoio à criação de mais de 200 Reservas e 33 projetos de gestão de RPPNs, o programa pioneiro colabora para a proteção de uma área de 19 mil hectares.

O Programa de Incentivo às Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPN) da Mata Atlântica, coordenado pela Aliança para a Conservação da Mata Atlântica (uma parceria entre as ONGs Fundação SOS Mata Atlântica e Conservação Internacional) e a The Nature Conservancy (TNC), comemora cinco anos de ações concretas no fomento à ampliação da área protegida da floresta mais ameaçada do País. Neste período, 133 projetos foram beneficiados pelos editais: 33 de apoio à gestão (que respondem por mais de 5 mil hectares) e criação de 200 RPPNs nos corredores da Serra do Mar, Central, Nordeste e Ecorregião das Araucárias, que juntos aumentarão em aproximadamente 12 mil hectares a área protegida por RPPNs na Mata Atlântica.

A comemoração aconteceu ontem, 28 de fevereiro, às 19h30, no Centro de Visitantes do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Na ocasião foram lançados uma publicação com os resultados e o VI Edital, que, neste ano, além de apoiar a criação individual e em conjunto de RPPNs, apoiará a elaboração e implementação de planos de manejo. Laércio Machado de Souza, presidente da REPAMS participou das comemorações.

Fonte:  REPAMS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>