Projeto Mata Atlântica recebeu apoio dos integrantes da REPAMS

A exposição itinerante “A Mata Atlântica é aqui”, esteve na cidade de Dourados (MS), nos dias 24 e 25 de junho com o objetivo de debater informações sobre a situação do bioma Mata Atlântica no Brasil e em especial no estado do MS.

A Associação de Proprietários de RPPN do Mato Grosso do Sul (REPAMS) participou do projeto exposição itinerante do cidadão atuante onde teve a oportunidade de explicar o seu trabalho em prol das reservas privadas, assim como falar da parceria entre a REPAMS e a SOS Mata Atlântica que este ano aprovou um projeto de plano de Manejo da RPPN Cabeceira do Mimoso de propriedade do senhor Hans pela VII Edição do “Edital do Programa de Incentivo às RPPNs da Mata Atlântica”.

Estiveram presentes na exposição Laércio Machado de Sousa presidente da REPAMS e proprietário das RPPNs Neivo Pires I e II, Hans Karl Nagel – proprietário do RPPN Cabeceira do Mimoso e a jornalista da associação, Daniela Venturato e, também, participaram de uma roda de conserva sobre as Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) do MS com estudantes, policiais militares ambientais, representantes de instituições públicas locais e sociedade civil, além de representares da organização não governamental (ONG) SOS Mata Atlântica que estiveram presentes no local.

Projeto

O estado de Mato Grosso do Sul foi o segundo a receber o caminhão. O projeto irá passar por cinco estados, num total de 40 cidades.  O caminhão é adaptado pela Fundação SOS Mata Atlântica, com palco para manifestações artísticas, de temática socioambiental, túnel dos sentidos, atividades lúdicas, mobilizações, concursos e exposições para sensibilizar o público sobre a conservação ambiental. 

Por Carla Layane

Com informações REPAMS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>