Turismo em MS é tema de debate no Eco Espaço em Bonito

Para aproveitar a integração turismo e meio ambiente, aconteceu na tarde do dia 30 de julho, no Eco Espaço em Bonito (MS), a palestra: “O turismo e a responsabilidade social, ambiental e econômica”.

A sessão Diálogos contou com a participação do público que vem prestigiar o festival de inverno de Bonito para entender um pouco mais como é desenvolvida a atividade turística na cidade e no Estado.

Os palestrantes do evento foram: Eleri Paulino (Superintendente Executivo da Fundação Neotópica do Brasil), Nilde Brun (Diretora Presidente da Fundação de Turismo de MS), Maria Margareth Lima (Superintendente do IPHAN de MS), Profº Noslin Almeida (Diretor do Campus de Bonito da UFNS), Ricardo Constantino (Presidente da Atratur), Cícero Ramos (Presidente do Comtur) e Augusto Barbosa Mariano (Secretário Municipal de Turismo, Indústria e Comércio de Bonito MS).

A diretora-presidente da Fundação Estadual de Turismo (Fundtur), Nilde Brun, abordou o tema Gerência de desenvolvimento de turismo. “Este espaço é uma oportunidade para dar cada vez mais visibilidade para a importância da atividade turística no Estado, mostrar todas as dificuldades de se desenvolver atividades neste meio”, ressalta Nilde. 

“Sobre a gestão do turismo aqui no Estado, agora estamos desenvolvendo planejamento estratégico que começa a ser implementado, onde começamos a coordenar as atividades de acordo com as necessidades de cada região, uma vez que cada região do Estado tem necessidades diferenciadas dentro do âmbito do desenvolvimento turístico, por isso o Estado foi dividido em macroregiões onde serão implementadas as ações do plano”, salienta a diretora-presidente da Fundtur.

Nova rota turística

Nilde Brum também falou sobre a nova rota turística, Brasília – Pantanal – Bonito, que contempla uma demanda já existente e que necessitava desta ação para investir no desenvolvimento.  “Começamos a perceber a existência desta demanda conversando com Brasília, percebendo que turistas europeus vinham para o Estado através de lá, então o resultado já está sendo positivo, pacotes já foram vendidos, o que é bom para nós e para os empresários. Essa nova rota multiplica a capacidade de divulgar o turismo de Mato Grosso do Sul”, afirma.

Outra nova rota deve ser lançada em meados do mês de outubro, com a Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav), a rota será Mato Grosso do Sul – Paraguai – Peru.

Por Carla Layane

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *